Veículos de econômica destacaram o Termômetro da Crise

 

A edição de 06/05 O Estado de S.Paulo traz, na coluna do Broadcast, uma sequência de notas sobre o atual cenário das ESCs considerando, principalmente, a concorrência com as fintechs. Entre fevereiro e abril deste ano foram abertas 57 novas ESCs enquanto outras 82 encerraram suas atividades. Para o presidente do SINFAC-SP, Hamilton de Brito Jr., é urgente uma modificação na legislação principalmente no que diz respeito a limitação geográfica das empresas. Confira a notícia do Estadão no link: https://go.shr.lc/3uqIqZ6 (acesso exclusivo para assinantes do jornal).

Os dois anos das ESCs também repercutiu ontem no Jornal do Comércio (de RS). Como presidente da ABRAFESC e do SINFAC-SP, Hamilton de Brito Jr. é citado na reportagem, destacando a importância social das ESCs no acesso a crédito para micro e pequenas empresas. "Muitas das operações são para comerciantes locais que não têm acesso fácil a financiamentos e empréstimos nos grandes bancos", comenta. Leia mais no site do Jornal do Comércio: https://go.shr.lc/2RtXrKU (conteúdo exclusivo para assinantes).

O Sindicato também marcou presença na mídia na semana passada em duas publicações de economia sobre o Termômetro da Crise, confira nos links abaixo:

- Factorings e Securitizadoras registram queda nas operações

Portal Investimentos e Notícias - https://go.shr.lc/3f0ycYO

- Factorings e Securitizadoras registram queda nas operações, diz SINFAC

Portal ADVFN News - https://go.shr.lc/3eXnaUm

Fonte: Sinfacsp