Em julho, houve aumento de 9% em relação a 2015, diz Boa Vista SCPC.
Já o número de pedidos de recuperação judicial cresceu 88%.

Os pedidos de falência aumentaram 23% entre janeiro e julho deste ano na comparação com 2015, segundo pesquisa divulgada nesta terça-feira (2) pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito).

Em julho, a quantidade de empresas que pediram falência caiu 12% em relação a junho, mas na comparação com julho de 2015 ainda há alta, de 9%.

O número de falências efetivamente decretadas também subiu. De janeiro a julho deste ano, o aumento foi de 8% na comparação com o mesmo período de 2015. Considerando apenas as falências decretadas em julho, houve queda de 7% em relação a junho e aumento de 6% ante o mesmo mês de 2015.

Recuperações judiciais
Os pedidos de recuperação judicial de empresas tiveram aumento de 88% nos primeiros sete meses do ano. Considerando apenas o mês de julho, houve queda de 32% na comparação com o mês anterior. Já em relação a julho de 2015, houve elevação de 2%.

O número de pedidos de recuperação aceitos subiu 90% de janeiro a julho. Já os pedidos aceitos considerando apenas o mês de julho registraram queda, com recuo de 6% na comparação com o mesmo mês do ano passado e de 36% ante junho deste ano.

Fonte: G1 Economia